10 ações obrigatórias ao correr em um evento no exterior
Treinamento

10 ações obrigatórias ao correr em um evento no exterior

Competir em um evento no exterior é uma perspectiva empolgante. No entanto, se você quiser aproveitá-lo ao máximo em termos de desempenho, siga estas dicas.

Competir em um evento no exterior é uma perspectiva empolgante. No entanto, se você quiser aproveitá-lo ao máximo em termos de desempenho, siga estas dicas.

Competir em um evento no exterior é uma perspectiva empolgante. No entanto, se você quiser aproveitar ao máximo sua viagem e desfrutar de um bom desempenho, é importante ter experiência em viagens.

1. Mantenha seu kit de corrida sempre à mão

A primeira regra ao viajar para uma corrida de avião é sempre levar seu kit de corrida, incluindo os sapatos na bagagem de mão! Isso garante que você tenha seus itens essenciais de corrida, caso não se reúna com sua bagagem na chegada.

2. Bem-estar no ar

Se você deseja chegar à sua corrida em ótimas condições, é importante cuidar do seu bem-estar geral ao voar. As cabines de ar são pressurizadas e o ar é seco, deixando você com maior risco de desidratação. Certifique-se de permanecer hidratado durante todo o voo, bebendo bastante água e limitando as bebidas com cafeína e álcool.

Se você estiver viajando em um voo de longo curso, é importante se mobilizar em intervalos regulares. O risco de desenvolver trombose venosa profunda (TVP) aumenta em voos com duração superior a 4 horas. Se possível, solicite um assento no corredor para que você possa se mover livremente sem incomodar os outros passageiros. Faça caminhadas regulares para cima e para baixo no corredor e alongue e flexione as pernas, principalmente as panturrilhas, quando estiver sentado para estimular o fluxo sanguíneo. Se você tem maior risco de desenvolver TVP, pode considerar o uso de meias de compressão durante o voo.

3. Evite treinar pesado no dia da viagem

Para evitar a queda temporária na função imunológica que você experimenta após exercícios extenuantes, você deve evitar treinos pesados ​​ou corridas longas no dia da viagem. Com um grande número de pessoas em um espaço confinado, os aviões oferecem o ambiente ideal para a disseminação de germes e vírus, então você deseja garantir que seu sistema imunológico seja o mais forte possível.

4. Conquiste o jet lag

Se você estiver viajando por vários fusos horários, é provável que tenha de enfrentar o jet lag, assim como o próprio evento. Nem todo mundo sofre de jet lag no mesmo grau, no entanto, existem algumas etapas que você pode seguir para minimizar seus efeitos:

Defina seu relógio para o fuso horário de seu destino assim que embarcar no avião. É melhor iniciar o processo de ajuste tanto fisiológica quanto psicologicamente o mais rápido possível. Como orientação, você deve esperar até um dia por fuso horário cruzado para se sentir totalmente recuperado.

Se você chegar ao seu destino durante o dia, tente sair para a luz. O relógio natural do seu corpo ou ritmo circadiano é regulado e redefinido pela luz. Tire uma soneca se precisar, mas tente ficar acordado sempre que possível. Ficar ativo até a hora de dormir o ajudará a se ajustar ao seu novo fuso horário mais rapidamente.

O seu relógio biológico influencia o seu apetite, por isso experimente, sempre que possível, fazer as refeições de acordo com o seu novo fuso horário.

5. Faça sua lição de casa!

Se você estiver viajando para um lugar novo e desconhecido, pode ser uma boa ideia pesquisar a área com antecedência, especialmente se você planeja fazer alguns treinos antes do evento. Verifique se a área é geralmente segura para correr. O Google Earth é uma ótima ferramenta para descobrir quaisquer locais de treinamento próximos, como parques e trilhas. Muitos hotéis fornecerão mais informações e mapas da área local também.

6. Seguro médico

Algumas corridas no exterior, na França, por exemplo, exigem que você tenha um comprovante médico de aptidão antes de poder competir. Portanto, é aconselhável pesquisar cuidadosamente os requisitos do seu evento e verificar com o organizador da corrida se você não tiver certeza. Lembre-se de que a grande maioria dos países estrangeiros tem sistemas de saúde privados, portanto, certifique-se de ter seguro médico ou um Cartão Europeu de Seguro de Saúde válido (se viajar na Europa) para que não receba uma conta pesada caso precise de cuidados médicos.

7. Considere a logística do dia da corrida

Parece óbvio, mas você considerou todos os aspectos do dia da corrida e não apenas a parte da corrida ?! Freqüentemente, os corredores estão tão focados na corrida em si que negligenciam a logística básica do dia da corrida. Para evitar estresse desnecessário, certifique-se de verificar os detalhes fundamentais, como transporte e coleta de número e chip de cronometragem, pois esses arranjos podem ser diferentes para corridas no Reino Unido. Certifique-se de chegar ao local com bastante antecedência no próprio dia da corrida.

8. Comida

Ao competir no exterior, é fundamental ter uma boa estratégia nutricional, pois escolhas nutricionais inadequadas provavelmente resultarão em desempenho ruim. Embora não seja prático colocar o conteúdo da geladeira na bagagem, você deve levar alguns lanches não perecíveis à base de carboidratos para garantir que seus estoques de glicogênio sejam totalmente abastecidos no dia da corrida.

A maioria dos grandes hotéis internacionais serve uma grande variedade de alimentos no café da manhã; no entanto, você pode querer considerar trazer seu próprio cereal ou mingau, por exemplo, se for o que você deseja. Os potes de mingau instantâneo são fantásticos para viajar, pois tudo o que você precisa é de um pouco de água quente.

9. Mantenha sua rotina

Quando você está competindo em um lugar diferente, pode ser tentador mudar sua rotina. No entanto, você deve ter como objetivo criar uma boa rotina que funcione para você como atleta e, em seguida, mantê-la, independentemente de estar competindo em Brighton ou Pequim. Não se preocupe com o que os outros corredores estão fazendo. Concentre-se em você mesmo e na rotina do dia da corrida que funciona para você.

10. Verifique a previsão

É uma boa ideia pesquisar a previsão do tempo antes de viajar. Obviamente, isso pode mudar, mas você deve estar ciente de que pode precisar de itens que não seriam necessários para uma corrida em casa, por exemplo camadas de base, luvas, óculos de sol ou um boné. Em caso de dúvida, faça as malas! Certamente é melhor estar preparado para todas as eventualidades.